My weight loss progress

9 de janeiro de 2007

Suco de laranja, o blog.

Ontem passei lá no blog da Paula e me deparei com quase uma centena de comentários em seu último post. O que comprova o quanto nós, seres humanos, adoramos dar pitaco na vida alheia. Bem, isso é óbvio, num país que cultua e se deixa lobotomizar pelos reality shows e exibições de mau gosto de gente sem inteligência e classe. Mas enfim, não vim falar disso e sim, após uma breve reflexão, dar meu apoio à Paula. Esse post é em solidariedade a ela que, apesar das ofensas gratuitas (todo blogueiro que se preze e tem um blog com algum conteúdo e alguma influência na Internet acaba atraindo stalkers mais cedo ou tarde) não deixa de ser educada até na hora da resposta, tentando expor suas razões, sua vida, dando a cara a tapa e às críticas.

Eu particularmente acho que ela tem mais é que cagar pra todo mundo. Sim, cagar e andar, bem bonito. Afinal, que adianta ser magra nesse país de semi-analfabetos que apenas consomem lixo, proliferam ignorância e não vão além da mediocridade habitual de suas vidas que persistem em levar a sério? Ser magra é apenas um pequeno detalhe, o que deveria ser apenas reflexo de uma vida feliz e saudável e não essa coisa imposta e super valorizada com a qual as pessoas insistem em se enquadrar.

As pessoas podem ser e até gostam de ser venenosas, mas eu chamo isso de síndrome de mal comida. Na falta da capacidade de realizar coisas boas e importantes, as pessoas se focam na vida dos outros e esquecem de viver suas próprias. E explorar esse instinto grotesco, apesar de um modo muito eficiente de obter lucro e popularidade instantânea, nada mais é que falta de criatividade e vergonha na cara.

Os blogs são recursos de expressão acessíveis e fáceis de lidar por qualquer pessoa que saiba ler. E acho uma coisa porca quando gente medíocre usa isso como as janelas de suas casas, onde penduram seus peitos murchos, para analisarem, tomarem suas conclusões, perpetuarem fofocas, jorrarem bile e destilarem veneno. Por mim, que morram todas, que gente mesquinha não faz a menor falta.

Se o intuito do blog é ou não acompanhar o emagrecimento de alguém, que pelo menos não atrapalhem com suas mesquinharias e comentários pouco produtivos que nada vão acrescentar à vida de seus autores.

De resto, gentileza e amizade são sempre bem vindos. O mundo já está repleto de crueldade e maldições. Acho que as pessoas devem espalhar coisas positivas e não deixar todos amargos ao seu redor. Então antes de expressar a dor de cotovelo com grunhidos e maldizeres, ranzinzices e palavras desnecessárias, comece agradecendo pelas coisas boas em sua vida e tente aprender algo válido e novo a cada dia de sua vida. E aí, ao invés de espalharem sua "sabedoria" de bordel, irão contagiar as pessoas com motivação e exemplos prósperos, fazendo algo concreto pelos outros.

E pau no cu de quem não gostar. Com areia.

Marcadores: ,

4 Comments:

  • At 12:03 AM, Anonymous Lorena said…

    Gostei! quem dera todo mundo tivesse a oportunidade de ler isso!

     
  • At 8:42 PM, Anonymous Lorena said…

    Cara, ri demais com teu comentario la no meu blog!! Eu tb fazia a mesma coisa... antes e depois do numero 2, antes e depois de beber agua... enfim...!! :) Nao da, ne?

     
  • At 9:13 AM, Blogger Paula said…

    ai, que maravilha de texto.
    como é bom ter pessoa inteligente ao meu redor.
    como fazer isso chegar à quem realmente precisaria ler????? como???
    obrigada querida!

    um beijo

     
  • At 12:17 PM, Blogger Fabiana said…

    Essas pessoas que precisam ler isso na verdade precisam entrar pra alfabetização antes.
    Geralmente são 100% burrice, ignorância e petulância.

    Só no chicote.

     

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

Ouvindo recentemente:

Last FM last played chart

Metas 2008

1) 72kg
2) 68kg
3) 64kg
4) 59kg

Blogs

Links

Minha estante:

Posts anteriores

Arquivos